Pitimbu Clik

Idealizador Do Blog
Victor Mateus

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

PM publica promoção de 120 praças na corporação




PM publica promoção de 120 praças na corporação A Polícia Militar da Paraíba publicou a promoção de 116 cabos à graduação de 3º sargento e 16 soldados à graduação de cabos, chegando a um total de 4.474 profissionais promovidos (entre oficiais e praças) nos últimos quatros anos, na instituição. A lista foi divulgada no boletim interno da corporação, no site www.pm.pb.gov.br, na terça-feira (22).


Com a ascensão profissional e a entrada de novos policiais, a PM têm aprimorado as ações de prevenção ao crime em todo o Estado, reforçando as rondas ostensivas e o policiamento comunitário nas 18 Unidades de Polícia Solidária.


Os novos promovidos realizaram cursos de habilitação para a nova graduação que passaram a responder, com carga-horária de 120 horas-aula para cabos e 160 para sargentos. Além disso, os militares atendem a critérios como ter bom comportamento e tempo de serviço mínimo exigido para alcançar a promoção.


Dos 4.474 promovidos desde 2011 – número que representa quase metade de todo efetivo da Polícia Militar – 3.853 policiais são do quadro de praças (soldados, cabos, sargento e subtenentes) e 621 do quadro de oficiais (tenente, capitão, major, tenente-coronel e coronel).


No período foram chamados 1.044 novos soldados que já estão nas ruas reforçando a segurança. Um novo concurso para soldados está em andamento, com os primeiros convocados concluindo as etapas específicas do certame para poderem entrar no curso de formação, que tem duração de 10 meses.


Concursos internos – A Polícia Militar está com inscrições abertas para três concursos internos com 140 vagas para habilitação de oficiais, formação de sargentos e também de cabos. Os cursos garantem mais uma oportunidade de ascensão profissional para os integrantes da corporação. Os policiais têm até o dia 30 deste mês para realizarem a inscrição no site www.idecan.org.br. Os certames são compostos por três etapas (intelectual, saúde e física) e a primeira fase acontece nas cidades de João Pessoa, Campina Grande e Patos.


Secom-PB

Governo convoca para a 3ª etapa do concurso da PM e Bombeiros




Governo convoca para a 3ª etapa do concurso da PM e BombeirosO Governo do Estado convocou 1.774 candidatos para realizarem os exames de saúde do concurso público para soldado da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. A avaliação será feita entre os dias 3 e 14 de novembro e os candidatos devem conferir o dia e local de apresentação, divulgados no site www.pm.pb.gov.br, desde a quarta-feira (23).


Esta é a terceira etapa do certame, que tem caráter eliminatório, onde concorrem todos os aprovados no exame psicotécnico, etapa anterior realizada no mês de setembro.


Os candidatos foram divididos em grupos para a realização dos exames de saúde, que acontecerá de 3 a 7 no Centro de Educação da PM, em João Pessoa, de 10 a 12 no 2º Batalhão, em Campina Grande, e nos dias 13 e 14, no 3º Batalhão, na cidade de Patos, de acordo com a opção de vaga feita por cada candidato.


A coordenadora adjunta de Comunicação da Polícia Militar, capitã Carla Marques, informa que a terceira etapa tem o objetivo de avaliar o estado geral de saúde do candidato, tanto físico, quanto mental. “A avaliação é feita para apontar se o candidato possui condições indispensáveis ao desempenho da atividade policial militar, que exige critérios de saúde específicos dos profissionais que vão trabalhar para promover a segurança pública dos cidadãos paraibanos”, destacou.


Os candidatos devem observar atentamente a data de apresentação e levar, no horário e local estabelecidos na convocação, todos os 14 exames laboratoriais exigidos no concurso. No dia da entrega, os convocados irão se submeter também a exames médicos, odontológicos e biométricos – este último avaliando altura, que é de no mínimo 1,65 m para o masculino e 1,60 m para o feminino. Os detalhes sobre as exigências desta etapa podem ser conferidos no item 9 do edital do concurso, disponível também no site da Polícia Militar, na parte de concursos públicos. O certame terá ainda duas fases, a física e a avaliação social.


Maior da história – O concurso para soldado da Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, realizado este ano, foi o maior da história das duas instituições, com mais de 58 mil inscritos. O Estado paga atualmente a um soldado – cargo que exige nível médio de escolaridade – o salário inicial de R$ 2.548,16, podendo ainda receber adicional por plantão extra remunerado, que chega a R$ 1.025,46 de complemento, além de gratificações inerentes ao cargo. O salário é reajustado todo mês de janeiro com a data-base do servidor público do Estado da Paraíba.



Secom-PB

Brasil se mantém em 6º no ranking da Fifa




Brasil se mantém em 6º no ranking da Fifa  A Fifa divulgou nesta quinta-feira a atualização de outubro do seu ranking de seleções e apresentou uma alteração entre as 10 melhores equipes do mundo. Saiu a Suíça, cabeça de chave na Copa de 2014, e entrou Portugal, agora nono depois de vitória importante sobre a Dinamarca pelas eliminatórias na Eurocopa. A seleção brasileira segue em sexto lugar, mesma posição em que estava no ranking de setembro. Quem caiu ainda mais foi a Espanha. Campeã do Mundo em 2010 e líder até o Mundial deste ano, a bicampeã europeia é agora a 10ª colocada.

Na confecção do ranking, a Fifa considera todos os resultados das equipes nos últimos 12 meses com peso maior para partidas oficiais.

A seleção brasileira venceu os quatro jogos que disputou depois da Copa do Mundo e conseguiu somar pontos importantes para não cair no ranking. Os próximos jogos da equipe treinada por Dunga serão em novembro, dias 12 e 19, contra Turquia e Áustria. A convocação será feita nesta quinta-feira.

A próxima atualização do ranking da Fifa será publicada em 27 de novembro.







Reprodução/Fifa.com

Tirullipa e Zé Modesto no Espaço Cultural




Tirullipa e Zé Modesto no Espaço Cultural Restam poucos ingressos promocionais  do primeiro lote para o grande show de humor que reunirá no mesmo palco Tirullipa e Zé Modesto, próximo dia 6 de novembro, a partir das 20 horas, na Praça do Povo do Espaço Cultural, em João Pessoa. R$ 30,00 individuais e as mesas R$ 200,00 à venda exclusivamente nas bilheterias do próprio Espaço Cultural, das 8h às 18h. A produção executiva é do Espaço do Humor e maiores informações podem ser obtidas pelo fone (83) 8780 7761. O humorista Tirullipa já com sua carreira consolidada em todo o Brasil traz à João Pessoa seu novo espetáculo “A resenha do caneco” que tem aproximadamente uma hora e meia de duração.

Nesse novo show que tem única  apresentação na Capital paraibana, Tirullipa promete fazer a platéia chorar de rir com seus inúmeros personagens e situações. A veia cômica herdada do pai foi descoberta ainda criança imitando Tiririca. Atualmente Tirullipa é contratado pela Rede Globo no Programa Domingão do Faustão e viaja por todo o Brasil com seu show e seus personagens: Luan Santana como João Santana, Gabriela como Gazela da minissérie Gabriela da Rede Globo, Tiririca, onde o Tirullipa homenageia seu pai Tiririca e faz a imitação – perfeita por sinal – do deputado Tiririca, e é uma grande novidade do Humor. Já o humorista JOÃO NETTO – o popular Zé Modesto, começou sua carreira em 1980, no Recife estreando na comédia Nós Precisamos Suar! que lhe rendeu o prêmio de melhor ator naquele ano em Pernambuco. Foi premiado no Domingão do Faustão arrebatando o primeiro lugar numa disputa acirrada e concorrida com humoristas de todo o Brasil no quadro Saco de Risadas. Zé Modesto, ex-aluno da Escolinha do professor Raimundo, da Rede Globo, é um artista completo. Irreverente, talentoso e premiado, Zé Modesto com seu jeito simples de ser conquistou o público brasileiro e onde tem se apresentado recebe os maiores elogios de público e crítica. 


Assessoria

Dunga leva apenas estrangeiros com Thiago Silva




Dunga leva apenas estrangeiros com Thiago Silva Capitão da seleção na Copa  do Mundo, Thiago Silva foi uma das novidades na lista da seleção brasileira divulgada nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro. O Brasil fará amistosos contra a Turquia (12 de novembro) e Áustria (dia 18), em Istambul e Viena, respectivamente. A pedido da CBF, Dunga não chamou nenhum atleta que atua no futebol brasileiro. A maior surpresa foi o meio-campista Firmino, do Hoffenheim.


Thiago Silva não havia sido chamado por Dunga nas convocações anteriores devido à lesão sofrida no PSG. Neste período ausente, o treinador entregou a faixa de capitão a Neymar, maior destaque do time nesses jogos pós-Copa.


Para coordenar o time na viagem à Europa, a CBF escolheu Oscar Bernardes, ex-zagueiro da seleção.


Goleiros

Rafael (Napoli)

Neto (Fiorentina)

Diego Alves (valencia)



Laterais

Danilo (Porto)

Alex Sandro (Porto)

Filipe Luis (Chelsea)

Mário Fernandes (CSKA)



Zagueiros

David Luiz (PSG) Miranda (Atlético de Madri)

Marquinhos (PSG)

Thiago Silva (PSG)



Meio-campistas

Fernandinho (Manchester City)


Casemiro (Porto)


Firmino (Hoffenheim)

Lucas (PSG)


Luiz Gustavo (Wolfsburg)


Oscar (Chelsea)

Philippe Coutinho (Liverpool)


Rômulo (Spartak Moscou)


Willian (Chelsea)



Atacantes

Luiz Adriano (Shakhtar Donetsk)

Neymar (Barcelona)

Douglas Costa (Shakhtar Donetsk)


UOL

Gusttavo Lima faz show para famosos




Gusttavo Lima faz show para famosos Gusttavo Lima passou por São Paulo nesta quarta-feira (22). O sertanejo fez show na capital paulista para uma série de convidados ilustres que estavam na plateia. Entre eles, a namorada Andressa Suita, que deu um beijaço no sertanejo antes da apresentação.

No palco, além de selfies, conversa com fãs e algumas músicas, Gusttavo recebeu o cantor Marrone, aquele da dupla com Bruno, que fez participação especial ao final do show.



Terra

Funesc leva música da PB à maior feira mundial do mercado




Funesc leva música da PB à maior feira mundial do mercado O talento dos artistas paraibanos será conferido por profissionais da cadeia produtiva da música em todo mundo na 20ª World Music Expo, a WOMEX, festival mundial de música, que neste ano será realizado em Santiago de Compostela, na Espanha, de 22 a 26 de outubro. A Fundação Espaço Cultural da Paraíba está levando para ser distribuído na feira o álbum “Music From Paraíba 2”. Quinhentas cópias serão entregues a produtores, artistas e outros profissionais da área de todo mundo. O material será levado pelo coordenador de música da Funesc, Arthur Pessoa.


Esta é a segunda vez que a Funesc representa a Paraíba na feira, que neste ano conta com a participação de 2.250 delegados e 1.260 companhias de 90 países. “A presença do projeto Music From PB na feira tem sido fundamental para que o mundo possa conhecer mais de perto a música produzida hoje no nosso Estado. Ele é um cartão de visita que apresenta ao mundo uma mostra da diversidade e qualidade da nossa música, aproximando os artistas dos produtores de festivais, selos e gravadoras em todos os continentes. Sendo uma plataforma de exportação da música paraibana, o Music From PB também movimenta a cena local, estimulando os artistas independentes a visualizarem novas e diferentes maneiras de difundir a sua música em nível mundial”, explica Arthur Pessoa.


Em 2013, o Music From Paraíba levou à feira um álbum contendo 20 artistas/grupos. Neste ano, o projeto ampliou para 71 contemplados, de acordo com Arthur, com o intuito de representar a diversidade paraibana. “Tivemos uma grande quantidade de artistas inscritos no edital, o que demonstra um entendimento da classe artística ao projeto. No momento que abrangemos o número de selecionados também demos a oportunidade da participação de artistas de diferentes gêneros, gerações e regiões do Estado”.

O projeto Music From Paraíba divulga a produção paraibana dentro e fora do Brasil. Por esse objetivo, existe um tratamento específico para o trabalho, que vai desde a seleção das músicas à criação da identidade visual. Na segunda edição da coletânea são 71 faixas de variados estilos, divididas em quatro CDs que compõem um kit em formato de vinil. Todo o material recebeu tratamento visual com arte assinada pelo designer Silvio Sá inspirada em elementos da regionalidade paraibana. “O projeto abarca um recorte bastante amplo da diversidade musical da Paraíba. Então o principal conceito que tínhamos em mente na concepção visual do projeto foi o de pluralidade. A ideia foi partir de elementos da iconografia regional para construir uma identidade cosmopolíta, múltipla e contemporânea”, esclarece Silvio Sá.

Sobre a receptividade da música paraibana no mercado mundial, Arthur Pessoa esclarece que o acesso está melhorando consideravelmente e que alguns artistas já estão conquistando visibilidade no exterior. “Vários artistas da primeira edição já vinham estreitando as relações com o mercado internacional a exemplo do Beto Brito e Clã Brasil, entre outros. Recentemente, Os Gonzagas, Ubella Preta e Zeferina Bomba também fizeram turnês internacionais. Então acredito que o mercado exterior esteja cada vez mais aberto para a nova música produzida no Brasil, em especial, no Nordeste”, comentou.

O presidente da Funesc, Lau Siqueira, exalta a qualidade do trabalho realizado e antecipa que o material deve percorrer outros eventos estaduais, nacionais e internacionais. “O segundo edital veio para aprofundar o que começamos no primeiro disco. A WOMEX é só o ponto de partida dessa divulgação. Pretendemos que esse material, que será lançado aqui na Paraíba no dia 9 de novembro, circule por diversos festivais, inclusive aqui no Brasil, na Paraíba e em outros países, rompendo fronteiras. O MFPB2 tem potencial para isso”, afirmou Lau Siqueira, que também participa do álbum como poeta, assinando o texto de apresentação da coletânea, intitulado como “As Tramas Sonoras do Silêncio”.


Music From Paraíba 2- Com 116 trabalhos recebidos de todas as regiões da Paraíba e um montante de mais de mil músicas, as inscrições para a coletânea Music From Paraíba superaram as expectativas da Fundação Espaço Cultural da Paraíba, Funesc. Os nomes dos contemplados foram divulgados em junho. Do total de inscritos, 71 foram selecionados quando a ideia inicial seria escolher apenas 50.


Entre os selecionados há representantes de diversos gêneros como rock, forró, samba, música eletrônica, jazz, música instrumental, funk, blues, reggae, brega, entre outros. Para Arthur Pessoa, essa variedade de estilos caracteriza a diversidade e o poder de criatividade dos artistas paraibanos.


Em sua primeira edição o Music From Paraíba inscreveu 57 artistas que enviaram mais de 500 trabalhos. Apenas 20 foram selecionados para integrar a coletânea em forma de CD cujas ilustrações do encarte foram assinadas pelo artista plástico Shiko.


Lançamento e shows - O projeto também realiza shows com os artistas participantes e com outros convidados. Neste ano, as apresentações do MFP2 serão no Espaço Cultural. O lançamento da coletânea aqui na Paraíba será dia 9 de novembro. Na edição de 2013, dez shows foram realizados, inclusive em cidades do interior da Paraíba.




Ascom

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Grupo armado executa jovem na cidade de Pitimbu; IMAGENS FORTES




1891042_838443546206514_5599292413203111418_nMais uma morte foi registrada na cidade de Pitimbu nesta semana. Um jovem conhecido como Davi foi morto com vários tiros na noite desta terça-feira (21), após um grupo de cinco pessoas em três motos interceptarem ele, pedir para alguns moradores se afastarem e disparar várias vezes contra a vitima. Davi morreu no local e o grupo saiu comemorando a morte. A Policia Militar saiu em diligências a procura dos criminosos, mas, até o momento nenhum foi encontrado.

Portal do Litoral

Comícios e caminhadas marcam a agenda dos candidatos ao governo da Paraíba para esta quarta-feira



Agenda do candidato Cássio Cunha Lima 14h30 –Santa Cecília do Umbuzeiro 15h45 – Umbuzeiro 16h30 – Natuba 17h30 – Aroeiras

Circuito de Comícios em Campina Grande 20h45 – Zé Pinheiro 21h30 – Liberdade 22h15 – Malvinas


Agenda de Ricardo Coutinho  


10h00 - Caminhada no comércio de Bayeux

Local de concentração: Início da Av. Engenheiro de Carvalho - Praça da Poeira


12h00 - Almoço no Restaurante Popular de Santa Rita

Local: Rua Pombal - Tibiri II


14h30 - Caminhada no Marcos Moura - Santa Rita

Local de concentração: Rua Prefeito Antônio Teixeira


16h00 - Caminhada em Várzea Nova - Santa Rita

Local de concentração: Praça Henrique Alves


18h00 - Grande Girassoca da vitória de Ricardo 40 e Dilma 13

Local de concentração: Praça das Muriçocas (Av. Tito Silva - Miramar)


Ascom

Luiz Couto perde segurança pessoal da PF e se queixa ao ministro




Luiz Couto perde segurança pessoal da PF e se queixa ao ministroO deputado federal reeleito Luiz Couto (PT), pediu segurança pessoal a Polícia Federal, e chegou a acionar o Ministro da Justiça. A informação foi confirmada pelo colunista nacional Cláudio Humberto do Diário do poder.

Segundo informações da imprensa nacional, a escolta da Polícia Federal que acompanhava o deputado federal reeleito Luiz Couto (PT-PB) foi suspensa.

A escolta era alegada pelo parlamentar paraibano por supostas ameaças de morte de grupos de extermínio na Paraíba. Couto obteve a segurança em 2010, com interveniência da Comissão Interamericana de Direitos Humanos, e atribui as ameaças a uma milícia que teria assassinado mais de 200 pessoas, inclusive um ativista, Manoel Matos.

Luiz Couto suspeita de “retaliação” de delegados, pelo apoio a projetos que favorecem agentes da PF, e se queixou ao ministro da Justiça. Em outubro de 2013, a PF descobriu suposto plano de um ex-policial militar, que teria contratado dois pistoleiros para matar Luiz Couto.

Nota  Segundo a nota, o deputado Luiz Couto (PT-PB) foi informado pela Polícia Federal,  da suspensão de sua escolta policial, motivada por supostas ameaças de morte de grupos de extermínio na Paraíba. Couto obteve a segurança em 2010, com interveniência da Comissão Interamericana de Direitos Humanos, e atribui as ameaças a uma milícia que teria assassinado mais de 200 pessoas, inclusive um ativista, Manoel Matos. Luiz Couto suspeita de “retaliação” de delegados, pelo apoio a projetos que favorecem agentes da PF, e se queixou ao ministro da Justiça. PISTOLEIROS  - Em outubro de 2013, a PF descobriu suposto plano de um ex-policial militar, que teria contratado dois pistoleiros para matar Luiz Couto.